INFORMAÇÃO SOBRE CONSUMO EXCESSIVO

 

O SAMAE INFORMA:

Calor aumenta desperdício de água

Em Antonina as Estações de tratamento de água estão trabalhando com seu volume máximo de tratamento nesta temporada. Por isso não desperdice água. O SAMAE estará nesse período efetuando rodízios no abastecimento de água, especialmente nos locais onde são abastecidos pelo Sistema de Água Central no Morro da Cruz. Somente a região da Penha e Ponta da Pita e adjacências não serão afetados. Essa ocorrência dar-se-á no período noturno.
De acordo com a Organização das Nações Unidas, cada pessoa necessita de 150 litros de água por dia para atender as necessidades de consumo e higiene. No entanto, no Brasil, o consumo por pessoa pode chegar a 200 litros.
Segundo os técnicos do SAMAE, com o verão a média de consumo diário de água fica em torno de 80 litros de água por segundo, pelo menos 50% a mais que o normal.
De acordo com os técnicos do SAMAE a empresa ampliou a vazão do Sistema em mais 7 litros por segundo, não resolvendo ainda integralmente os problemas de falta de água no verão. O investimento foi feito para a região do Jardim Maria Luiza, cujo consumo era feito da Estação Central, passando agora para uma Estação Independente. Nas regiões mais distantes e mais altas da cidade ainda o consumidor/usuário deve se prevenir contra a falta de água em determinados horários, para isso é importante a instalação de Reservatórios domiciliares. Na opinião dos técnicos, nos bairros mais altos o abastecimento ocorre geralmente à noite, período em que o consumo diminui. 
Com o calor fora do normal nesta época do ano, as pessoas costumam gastar mais água neste período. "No verão as pessoas enchem as piscinas, tomam mais de um banho por dia, dormem mais tarde, lavam as calçadas e ruas pensando que vai refrescar a casa, além de lavar o carro com mais freqüência, aumentando o consumo e o desperdício".

Os reservatórios de Antonina, na sua maioria possuem água suficiente para toda a população. "O que acontece é um grande desperdício por parte da população, contribuindo para que falte água na cidade durante o verão, principalmente nos bairros mais altos, apesar de todos os bairros de Antonina receberem água todos os dias", pois a falta de água não é generalizada".
A média normal de consumo para uma família com quatro pessoas é em torno de mil litros de água por dia. O que ocorre é que o desperdício de água provocado pelas pessoas faz com que o precioso líquido falte em alguns bairros", por isso vamos consumir água racionalamente.

 

Os dez mandamentos para economizar água


1. No banho: Se molhe, feche o chuveiro, se ensaboe e depois abra para enxaguar. Não fique com o chuveiro aberto. O consumo cairá de 180 para 48 litros.


2. Ao escovar os dentes: escove os dentes e enxágüe a boca com a água do copo. Assim você economiza 3 litros de água.

3. Na descarga: Verifique se a válvula não está com defeito, aperte-a uma única vez e não jogue lixo e restos de comida no vaso sanitário.

4. Na torneira: Uma torneira aberta gasta de 12 a 20 litros/minuto. Pingando, 46 litros/dia. Isto significa, 1.380 litros por mês. Feche bem as torneiras.

5. Vazamentos: Um buraco de 2 milímetros no encanamento desperdiça cerca de 3 caixas d'água de mil litros.

6. Na caixa d'água: Não a deixe transbordar e mantenha-a tampada.

7. Na lavagem de louças: Lavar louças com a torneira aberta, o tempo todo, desperdiça até 105 litros. Ensaboe a louça com a torneira fechada e depois enxágüe tudo de uma vez. Na máquina de lavar são gastos 40 litros. Utilize-a somente quando estiver cheio.

8. Regar jardins e plantas: No inverno, a rega pode ser feita dia sim, dia não, pela manhã ou à noite. Use mangueira com esguicho-revólver ou regador.

9. Lavar carro: Com uma mangueira gasta 600 litros de água. Só lave o carro uma vez por mês, com balde de 10 litros, para ensaboar e enxaguar. Para isso, use a água da sobra da máquina lavar roupa.

10. Na limpeza de quintal e calçada USE VASSOURA - Se precisar utilize a água que sai do enxágüe da máquina de lavar.